Games

Knack

Oi oi, tudo certo?

Mais uma resenha de jogo aqui no blog, e hoje venho mostrar para vocês o jogo Knack.
Knack é um jogo plataforma com visão em terceira pessoa. Foi desenvolvido pela SCE Japan Studio em cooperação com o designer Mark Cerny e publicado pela Sony Computer Entertainment, lançado em 2013 exclusivamente para PS4. É dublado e legendado para português, como comentei anteriormente em Never Alone, sempre bom :). Nele podemos correr, saltar, saltar duas vezes e bater. Também é possível jogar coop, com até 2 jogadores – todos comemoram sempre haha. O segundo jogador é só para jogar mesmo, ou seja, não participa da história.

1
(Imagem: via)

O jogo se passa no planeta terra mesmo, mas em um futuro mais tecnológico. O “Doutor” como é conhecido no jogo, há anos vem estudando relíquias de uma civilização perdida que encontrou em uma caverna. Na época em que se passa o jogo, essas relíquias já são mais conhecidas e até normais, pois os humanos e até outros seres as utilizam como fonte de energia no jogo. Mas com essas relíquias o Doutor consegue criar uma criatura que tem pensamento próprio, o Knack. Knack além de ter consciência própria pode juntar mais relíquias em seu corpo conforme as encontra, se transformando assim de um baixinho em uma máquina enorme e com alto poder de demolição.

2
(Imagem: via)

Ele pequeno não é a coisa mais fofa? :3

E é muito engraçada essa transformação do Knack, porque quando ele é baixinho ele tem uma voz, ai quando fica enorme ele tem outra voz completamente diferente, quando grande é dublado pelo mesmo dublador de Sylvester Stallone. Achei incrível esse pequeno detalhe e que faz toda a diferença, já imaginou ele pequenininho e com aquele voizerão. Seria muito estranho hahaha. Além disso a personalidade de Knack é muito forte, ele é “marrento” e cheio de ironias e sarcasmos, então combina perfeitamente. Mas apesar disso é muito cativante. Knack pode variar de 1 metro de altura até 30 metros, sério gente ele fica gigante !

3
(Imagem: via)

A história começa com o Doutor apresentando Knack para a empresa onde ele trabalha, e o seu concorrente Viktor fica muito interessado em Knack. Conforme o jogo vai acontecendo esse concorrente tenta várias vezes roubar Knack, pois acredita que ele seja a chave para a entrada de uma caverna onde possui um tesouro enorme. Enquanto isso os goblins resolvem atacar novamente os humanos, só que com muito mais poder bélico do que antes e Knack, Doutor, Lucas – assistente do Doutor e o tio de Lucas – Ryder – resolvem ajudar. Então além de enfrentar os goblins com seus tanques, mechs e dirigíveis, terá que enfrentar também Viktor, um bilionário ambicioso e que é rico por conta das relíquias que explora e vende.

4
(Imagem: via)

Durante todo o jogo você pode encontrar lugares secretos, onde você pode juntar pedras e itens especiais. Quando você junta uma quantidade determinada pelo jogo, daquele item ou pedra especial, você ganha um item especial, ou um material novo para usar em Knack e assim melhorar as suas habilidades. Esses itens especiais e pedras vêm aleatoriamente, então se você quiser pegar tudo, vai ter que ter sorte e jogar várias vezes. A arte do jogo é muito bonita e a ambientação é incrível, incluindo cavernas, cidades, florestas, etc.

5
(Imagem: via)

A jogabilidade é boa para o primeiro jogador, para o segundo nem tanto. O “segundo” Knack (eu chamava de Snack haha – pura criatividade minha gente) é feito de metal e aumenta com as outras coisas que ele quebra, mas sempre fica menor que Knack, ou seja, você só aumenta quando Knack aumenta. Além de ter uns bugs na jogabilidade de Snack, a câmera também era toda focada em Knack e era muito curto o espaço entre um e outro, então se Knack fosse um pouco na minha frente ou eu fosse na frente de Knack, eu – Snack – sumia da tela e se não retornasse morria. Que ódio que dava, sério. Eles deviam ter separado as telas como em Boorderlands ou no mínimo aumentado a distância que os dois poderiam ficar longe. Mas fora isso o jogo é ótimo.

6
(Imagem: via)

Knack e Snack arrasam

Outra coisa que acho incrível em Knack é quando eles “desmonta”, quando ele tem que deixar as relíquias para trás por algum motivo. É muito bem feito, parece real, é a coisa que mais me impressionou no jogo. Além disso o peso e a velocidade do Knack também muda conforme seu tamanho, quanto maior mais lento e pesado, quando menor, mais rápido e leve. Tudo bem pensado.

Outra coisa legal também é que durante o jogo, por conta da história, ele tem diversos modos: gelo, madeira e metal, etc. Achei isso bem divertido hehe.
A campanha dura em torno de 10 a 12 horas – isso se você não quiser platinar.

Preço varia de R$80,00 a R$130,00
Estrelas: ✦✦✦✦✧ estrelas.
* Por causa do 2° jogador também.


Obrigada por tudo ! Beijos.

Siga o blog e eu nas redes sociais:

Facebook • Instagram • Skoob • Pinterest • Twitter • Bloglovin do blog

Anúncios

2 comentários em “Knack

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s